Página Inicial

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Mitos e Falácias da vida real

Olá pessoal,

Demorei um pouco para voltar a postar, não que falte assunto, mas a proposta que eu disse a vocês desde o começo, é que não tenho proposta !! Vou postando quando achar conveniente, eu não tenho preocupação com ganhos com o blog, então é isso aí.

A falácia do Politicamente correto:

Hoje em dia se você expressar desacordo com o que não esteja no padrão do que todos estão dizendo ou não concordar e ser contrário aos interesses de um determinado grupo vira "Fobia", ou seja, a opinião é criminalizada.



Quer ver exemplos:

O aleijado é deficiente físico; o cego é deficiente visual; o relacionamento homossexual é homoafetivo; o viciado é dependente químico, e assim por diante. Por mais que saibamos que existem maneiras discretas de se referir a determinadas situações, tornamo-nos mal educados e incorretos pelo simples fato de usar algumas palavras, que em si nada têm de ofensivas, são apenas descritivas.
Numa discusão entre um cristão (que defende principios conservadores e a valorização da família) e um Homossexual, o cristão será taxado como homofóbico, porém o Homossexual poderá ser chamado de cristofóbico por discordar dos preceitos cristãos.
Isso está e muito prejudicando as relaçõe humanas, estão usando comentários , discussões contra você !! isso mesmo, até em seleções em diversas empresas vasculham a sua rede social.
Quer saber, eu não posto em redes sociais assuntos polêmicos, por mais que eu até queira, mas sim, eu falo PUTA, VIADO, CEDO, ALEIJADO, PRESIDENTE (ao invés de Presidenta) e por aí vai... lógico que isso é falado, NÃO ESCRITO, lembrem-se podem usar contra você !!


Mito de emprego bom é trabalhar em Multinacional



Muitos se acham bem sucedidos e dizem em alto e bom som "TENHO UM BOM EMPREGO, EU TRABALHO EM UMA MULTI NACIONAL", foda-se que você trabalha em uma !!!!
Vou te dizer uma coisa, eu já trabalhei em multinacionais e empresas brasileiras (uma brasileira inclusive é multi nacional, ou seja, a empresa é Brasileira e tem filiais no exterior, CHUPA !!), não sou fã do Brasil, pelo contrário, todos sabemos que aqui é uma bosta e vai continuar assim por muito tempo, porém as melhores empresas que eu trabalhei na vida, sempre foram as empresas brasileiras, lógico que eram empresas bem sucedidas, fora isso tenho amigos que trabalham em empresas brasileiras que também são bem sucedidas, Eu e Eles sempre tivemos salários e beneficios acima da média inclusive com vale refeição e vale alimentação, dia de folga no mês do seu aniversário e muitos outros beneficios que as famosas empresas multinacionais não dão !!! lembre-se que empresas multi nacionais são frias e pragmáticas, vão sentar o pé na sua bunda, sem pestanejar a qualquer momento, aquela velha frase de que somos apenas números é verdade !!! Não que a empresa Brasileira não faça isso, CLARO que faz, mas ao invés de dizer para os outros eu tenho um bom emprego porque trabalho em uma Multinacional, limite-se a dizer trabalho em uma ótima empresa. Para mim quem diz isso é o mesmo tipo de pessoa de que carro é somente volkswagem, pior que ainda existe esse tipo de pessoa !!



Ser bonzinho ou ser vilão

Antes de mais nada, saibam: O Orkut não existe mais, não há mais como você mandar aquelas mensagens animadas chatas prá caralho.


Bem ligado ao politicamente correto, mas tem diferenças !! Não adianta você, postar, falar, comentar, coisas boas, falar de Deus e agir como um filho da puta. Acho que nem preciso dar exemplos, sei que vocês são inteligentes o bastante e já devem ter vários exemplos na cabeça, quem nunca viveu isso ao longo da vida.
Preste atenção, não estou dizendo que você não deva nunca falar algo de positivo, distribuir sorrisos, ser uma pessoa querida, claro isso faz parte também de ser educado, mas temos que aprender uma coisa, enfrentar a vida !! Quem não tem problemas? Quem não fala palavrão?Quem nunca fez alguma besteira na vida?
Muito se fala em Betas, manginas e o "caralho a 4", o movimento da real hoje em dia prega muito o conflito contra a mulher, sendo que há todo um universo que precisamos conviver e aturar. Ser bonzinho não vai pagar suas contas, experimenta dever para um banco, eles vão te cobrar, vão cobrar, ameaçando e foda-se que você é bonzinho. Se você trabalha e faz um monte de coisa esperando um recompensa, esqueça !!! Faça, porque você acha que deva fazer, pois muitos chefes aproveitam dos bonzinhos e estão cagando e andando para você, o importante é que dê resultados para ele se vangloriar numa reunião de diretoria posteriormente que tem a equipe na mão !! Vá em uma praia em alta temporada e veja se o vendedor malandro, vai te vender uma água de coco pelo preço justo, NÃO VAI!!! Ele vai é ver sua cara de idiota bonzinho e cobrar 8 reais !!
Ser bonzinho de nada o adiantará, quando sua ex-mulher o processar querendo metade de seu patrimonio e que pague pensão para filho ou filhos. Você pode ser a versão masculina da Madre Teresa, mas ao entrar numa vara de familia, a mulher sempre estará certa e o homem será o filho da puta.
Por isso meus amigos, saibam dizer NÃO !!! isso faz um bem tremendo !!!


Ah Stifler, vai se fuder, você fala, fala, mas deve ser um mangina, um cordeirinho na vida real que tem medo de perder o emprego e etc.

Rapaz !!! eu já falei, eu no conceito da galera, já fui Beta, hoje não, eu tenho personalidade, somente isso, não deixo na maioria das vezes que me façam de otário, eu questiono tudo, até mesmo no trabalho, claro que já me prejudiquei muito, pois no trabalho, as vezes (quase sempre), vão dar preferência para aquele que é mais discreto, que é amado por todos, mas que vê putaria a noite em sua casa sem ninguém saber ou é aquele que trabalha para desconstruir a imagem de quem ele considera inimigo no trabalho e etc.
Isso me faz uma pessoa melhor? Não sei... o que posso dizer é: Eu faço e falo tudo aquilo que eu quero, ou ao menos posso dizer !!!

Bom é isso aí !!



segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Como identificar se você é ou não um mangina




Q: O que é um mangina?

 Situação a que manginas se submetem.
R: Mangina é um homem emasculado que se submete e se dobra à mulher. Ele não tem colhões para dizer NÃO a uma mulher. Ele se envergonha de sua própria sexualidade e frequentemente fala mal de outros homens em nome das mulheres.

Sintomas de um mangina 


  •    Você não consegue dizer NÃO a uma mulher
  •     Você raramente confronta, ou se mantém firme em sua posição ao discordar de uma mulher
  •     Quando discorda de alguém, você normalmente reclama do jeito que a pessoa te faz sentir
  •     Você sempre se encontra tentando negociar papeis com mulheres
  •     Você critica e fala mal dos homens enquanto justifica e apoia mulheres incondicionalmente
  •     Você foi criado por uma mãe solteira
  •     Você põe mulheres em pedestais e acham que elas são santas ou princesas
  •     Você acha ser obrigação de "cavalheiro" pagar a conta delas
  •     Você sempre paga os jantares, as bebidas, os presentes, os ingressos do cinema para elas, sem ganhar nada em troca
  •     As mulheres te acham um "cara legal", mas nunca no sentido sexual/romântico
  •     Você se vale do sarcasmo sempre que possível porque, como uma mulher, você não quer se responsabilizar pelas coisas que diz
  •     Você acha que boa gramática é igual a inteligência (isto é, como uma mulher, você se preocupa mais com as aparências que com o conteúdo)
  •     Você dá crédito a portais feminista
  •     Você ridiculariza sinais de autoridade com termos hippies como "macho", "brucutu" ou "neandertal"
  •     Você acha que a responsabilidade sexual está cai sempre nas costas dos homens
  •     Você acha que uma mulher pode fazer tudo o que um homem pode fazer (e de salto alto)
  •     Você acha que as mulheres são mais espertas que os homens
  •     Você apoia campanhas contra o câncer de mama e violência doméstica enquanto negligencia o câncer de próstata ou responsabilidade sexual para mulheres
  •     Você fala mal de homens que se referem a certas mulheres como "vadias" ou “biscates", mas não vê problema nenhum em se referir a homens com "porcos", "pegajosos", "perdedores", "imbecis" etc.
  •     Você se curva como um tatu-bola ao ouvir meia dúzia de palavras em uma discussão qualquer
  •     Você acha que um homem jamais pode bater em uma mulher, mas dá razão a filmes, propagandas e programas de TV que mostram homens fisicamente agredidos por elas
  •     Como uma mulher, você se preocupa mais com a forma que o argumento é apresentado do que com o conteúdo do argumento
  •     Você se considera um feminista
  •     Você tinge seu cabelo de preto e deixa a franja bem grande
  •     Suas calças apertam tanto seus bagos que elas parecem ser de lycra
  •     Você entende de moda mais do que a maioria dos homens
  •     Assim como a maioria das mulheres, você acha que tudo é relativo e que não existem respostas erradas, apenas "opiniões diferentes"
  •     Você doa, ou pertence ao PETA
  •     Você se refere a outros homens como “misóginos” ou “homofóbicos”
  •     Você não vê problema com 2 caras se beijando, pois acha que isto te faz parecer moderno ou antenado
  •     Você tem medo de ver mulheres surtarem com você e, por isso, jamais discordam delas em público
  •     Você reclama com as pessoas para que elas simpatizem contigo, mas não faz nada para adquirir o respeito delas
  •     Sua frase preferida em se tratando de mulher é: “Eu respeito mulher” (= eu tolero ser PAU MANDADO de qualquer vadia e repreendo homens que mostram sua sexualidade a elas)
  •     Possui fetiche por dominatrices e pés na cara
  •     Acha que poliamor, poligamia e ménage são o suprassumo dos relacionamentos atuais
  •     Amado Batista é seu poeta favorito
  •     Justifica todo tipo de veadagem (lingerie masculina, Marcha das Vadias, homens trocando fralda de bebê e cuidando de casa enquanto a mulher trabalha, homem fazendo chapinha e tingindo cabelo) com o velho bordão: "Os tempos mudam"
  •     Paga R$ 50 mil (ou qualquer outra quantia) pro Ricardão que comeu sua mulher ficar longe dela
  •     Mata o cara com quem sua mulher/namorada te traiu mas "passa a mão na cabeça" dela
  •     Aplaude o Marcelo Rezende falando que deveria haver mais delegacias especiais só pra mulheres, só com investigadoras mulheres, após noticiar um caso de estupro em investigação
  •     Seu estilo musical preferido é pagode ou sertanejo universitário
  •     Quando vai elogiar a roupa de uma mulher, elogia como qualquer amiga dela faz ("como essa blusa transparente é fresquinha", "que salto bonito, é Arezzo?/é confortável", "ai, tá piriguete com essa sainha curta!", "a-doooooooooooooooooooo-ro!!!!!")
  •     Sai abrindo a porta pra mulher em todo lugar que vai sem pedir nem o telefone delas
  •     Passa a mão na cabeça de sua filha vadia e faz sua mulher criar o filho dela  
 





Exemplos de manginas:

 

  1. Mateus Verdelho: Modelo masculino que perdoou sua noiva, em plena TV, após ela ter dado uma escapada em uma despedida de solteiro em um clube feminino, mesmo depois de ter chorado feito um bezerro ao ver todo o vídeo da festa. Não é a toa que seu relacionamento com ela, agora sua mulher, já está em crise.
  2. Mystery (pick-up artist): aconselha homens a se vestirem feito bichas vitorianas e usar rímel para atrair mulheres. Reforça comportamentos de vadia ensinando-os que mulheres agem como vadias devido à evolução. Culpa o homem por não atrair mulheres.
  3. Paul Elam: autointitulado líder do ativismo dos direitos dos homens que tenta repreender e demonizar outros homens que não caem na sua ideia feminista da homogeneização de papéis de gênero. Este tipo de mangina emasculado é talvez o pior da espécie, porque ele se propõe a representar a opinião dos homens mas ainda assim ele reforça a emasculação do homem através da sua ignorância sobre as diferenças naturais entre os sexos.
  4. Xico Sá: blogueiro da mídia mainstream cujo público-alvo é mulheres frustradas em seus relacionamentos. Assim sendo, ele procura alegrá-las com seus textos “bem humorados” condenando os comportamentos masculinos responsáveis pelo sofrimento delas, enquanto as isenta de toda responsabilidade pelas suas más escolhas amorosas.
  5. Adolescentes emos: adolescentes emos ou “emos bichas” representam a juventude apática e sem rumo de hoje em dia. Quando não estão cortando pulsos ou comprando calças apertadas, eles se ocupam em se vestir e se comportar como mulheres nos maneirismos e nas suas opiniões infantis baseadas em pura emoção.
  6. Marçal Filho: Um mangina no Congresso nacional que criou um brilhante projeto de Lei paraforçar empresas a pagar a uma mulher o mesmo salário de um homem que esteja no mesmo cargo que ela, mesmo que o homem tenha mais responsabilidades e mais funções que a mulher. Felizmente, uma análise minuciosa da sociedade barrou este projeto imediatamente, mostrando o caráter demagógico do mesmo (seria sancionado num dia 8 de março)
  7. Joe Biden: Este mangina é responsável por criar a Violence Against Women Act (VAWA) nos Estados Unidos, que dá às mulheres status especial e as cunha como vítimas padrão no sistema legal. Ele também fez discursos públicos apoiando as mulheres e rebaixando os homens, mesmo após revelar ter sido constantemente agredido por sua irmã mais velha na infância. É o vice de Barack Obama na presidência dos EUA
  8. Eugênio Malavasi (advogado): Um mangina que ganhou destaque na mídia defendendo e conseguindo fazer um júri absolver Carla Cepollina, única suspeita de matar um homem, através de apelo emocional e respaldo da plateia feminina do julgamento. Além disso,seus dois divórcios seguido de uma terceira mulher são evidências cabais sua da total falta de autoridade nos relacionamentos.
  9. Alex Castro: Blogueiro e escritor, Alex Castro é talvez o que encarna as maiores “virtudes” de um mangina em terras tupiniquins. Já confessou gostar de mulheres “más e dominadoras”, é podólatra, escreve linhas e mais linhas sobre racismo e minorias e, além disso, já escreveu em um famoso portal masculino um curso de feminismo para homens. Isto, junto com a estampa da camisa mostrada aqui, dispensa maiores comentários.
  10. (Menção honrosa) Eduardo Sakamoto: Pegue o Alex Castro, tire a tara por papéis submissos e eleve o feminismo ao nível militante. O resultado é um blog feito por um cara que odeia o próprio gênero e não se cansa de insultá-lo diretamente.

O efeito do manginismo no comportamento feminino



O mangina agrada toda mulher na esperança de receber atenção, não recebe nenhuma, no máximo uma Friend zone, com isso a única coisa que ele está fazendo é aumentando a mídia, ego e o potencial de cobiçada, fazendo ela se sentir uma celebridade tratando todos os homens como lixos.


Texto adaptado do blog do Manhood:   http://manhood101br.blogspot.com.br/2012/11/como-identificar-se-voce-e-ou-nao-um.html