Página Inicial

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Ganhando Dinheiro com Ações Trabalhistas

Olá Pessoal,

Hoje vamos falar de um assunto que particularmente é um dos meus hobbys, Justiça do Trabalho:



Calma !!! o título está um pouco apelativo, mas recomendo somente entrar na justiça se realmente você foi ou é vítima de injustiça.

Apesar de eu já ter sido estudante de Direito, tomei gosto de acompanhar leis trabalhistas há cerca de 12, 13 anos, eu já Li e estudei a CLT diversas vezes, assino newsletters de diversos tribunais onde é possível acompanhar as sentenças, jurisprudência e etc. Sei até algumas súmulas do TST (Tribunal Superior do Trabalho) de cabeça. Bem incomum esse Hobby né?

Eu já ganhei algumas ações trabalhistas e outras estão em curso !!!

Além de conhecer a CLT, todo empregado deve saber a sua convenção coletiva de sua categoria/sindicato. Quem trabalha CLT é sindicalizado, então as regras que você deve seguir vamos se dizer assim é o sindicato quem dita.

Para quem é empregado aconselho a documentar todas as suas atividades, sempre guardar as cópias do seu holerith/comprovante de pagamento, conferir e fotograr/copiar o espelho de ponto, além de ter a cópia de todos os e-mails que você troca em ambiente de trabalho, estando tudo documentado e você achando que está sofrendo injustiça, busque a justiça.

Para empresários, só lamento, a lei trabalhista no Brasil realmente chata e bem dificil de cumprir a risca, por isso o alto índice de derrotas do empresariado na justiça, além disso na JT toda ação ganha por um empregado gera receita ao governo (INSS, Imposto e etc), creio que esse também é um dos pontos que fazem com que a JT funcione a favor do empregado.

Se você é empresário, Dono de comércio, sempre fique esperto, não existe formas de contratação fora a CLT, qualquer outra forma de contratação até mesmo de alguns serviços pode ser enquadrado como trabalho em regime CLT.

Muitas pessoas reclamam que seu trabalho é isso ou aquilo, que passam dos limites e tal, enfim ao invés de reclamar documente tudo, pense que você pode processar depois !! Nunca comente com ninguém sobre isso, pois sabem como é fofoca ou "rádio peão".

O que não pode é ser injutiçado, pressionado e deixar prá lá !!

Alguns mitos na JT :
- Preciso pagar advogado? Depende, a maioria dos adgovados não cobram consulta e não cobram um valor para ingressar com a ação, porém ele irá analisar a possibilidade de processo e se for viável o reclamante fará um contrato em que cerca de 20% até 30% dos ganhos ficaram com o advogado, para resumir, se você ganhar a ação o advogado ganha, se perder fica por isso mesmo.

- Ingressar com ação fica na lista negra? Depende, na maioria das grandes regiões metropolitanas isso não influencia em nada na sua carreira, em cidades pequenas como os empresários e todo mundo conhece todo mundo, pode ser que fica dificil se realocar. Hoje em dia as empresas são obrigadas a darem a carta de referencia (devido acordo sindicais), essa carta hoje em dia apenas atesta se você trabalhou ou não em determinada empresa, logo na maioria dos casos, entrar na justiça não irá lhe atrapalhar !!

Para ingressar com a ação é necessário que você tenha pleno conhecimento das suas atividades e das atividades da empresa e explicar com a maior riqueza de detalhes possíveis, advogado não é adivinho, por isso uma boa ação depende, única e exclusivamente do reclamante.

Para entender todo o tramite de como funciona a Justiça Trabalhista visite esse link:

http://www.guiatrabalhista.com.br/obras/processo-do-trabalho.htm

 A maioria dos casos de ações na Justiça do Trabalho, são a falta de registro em carteira, pagamento por fora, contratos PJ, acumúlo de funções e equiparação salarial (isso acho que todas as empresas tem rsrsrs).

Há tantos detalhes, que não caberia aqui, mas e aí? alguém tem processo em andamento? quer processar sua empresa? faça sua pergunta aqui, quem sabe não possa ajudá-lo !!!??

14 comentários :

  1. Post bacana Stifler,
    Justiça do trabalho é um mundo incrível, mas eu prefiro o mundo cível mesmo haha.
    Como você disse, uma boa ação depende muito do reclamante, já vi alguns perderem por vacilo e interessante que esse protecionismo pro-trabalhador, a cada dia diminui, vamos ver como a JT vai reagindo com o tempo.

    Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto de Cível também !!! mas a JT é bem diferente, as regras são mais claras, na verdade são muitas leis, por exemplo é muito dificil separar as atividades entre os colaboradores e separar o o um Trainee,Junio e Pleno pode fazer, geralmente numa ação no caso de equiparação fica dificil para o empregador se defender!!

      Excluir
  2. Cara tu ja ganhou em torno de quanto com essas ações?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara ganhei um bom dinheiro, o justo !!! porém não vou comentar muito aqui por questão de privacidade !!! Mas se onde vc trabalha, vc julga que tem coisa errada, converse com um advogado !!! não deixe isso prá lá !!

      Excluir
  3. Salve Sfifler. Você pode contar algo sobre gravações? Recentemente um TST deixou claro que gravações de áudio sem o conhecimento de uma das partes PARA FINS DE COMPROVAÇÃO DE DIREITO são válidas.

    Isto é ótimo, porque nunca que algo seria dito em uma empresa se estivesse sendo gravado, agora basta uma app customizada que com um toque em qualquer botão físico ou na tela a gravação começa mesmo na tela de repouso do celular. Não tem mais como saber se o assunto está sendo gravado ou não. Some isto com a qualidade dos microfones dos celulares que estão aumentando.

    Eu imagino que isto gere uma vantagem enorme porque muitas vezes a pessoa injustiçada não consegue testemunhas.

    Tem uma empresa de suco de milho muito famosa no Brasil que é campeã de humilhar funcionários, mesmo imbecis que gritam com outros em ambiente corporativo como se estivessem no tempo de senzalas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gravações são aceitas há muito tempo, desde que o reclamante faça parte da conversa (na gravação tem que ficar claro que você está na conversa), o que não gravar terceiros, mesmo que estejam falando de você !! com o advento dos smartphones, os empregadores tem que tomar cuidado no tratamento com seus empregados !!!

      Excluir
    2. Ah sim, esqueci de mencionar, mas era isto que queria dizer, você conversando com alguém de hierarquia superior, você grava a sua própria conversa. Nestas horas que podem rolar as ameças, xingamentos, gritos, e coisas e tal.

      Valeu!

      Excluir
  4. Ótimo post. Minha irmã nesses dias ganhou uma ação trabalhista. Conheço gente que já ganhou muito dinheiro também.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso ai !!! se a empresa merece, tem que processar !!

      Excluir
  5. e ai Stifler, o meu antigo blog perdi a conta e a senha, agora o novo blog é: https://cuckoldizador.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pessoal ignorem esse aviso, acabei de consguir recuperar o blog antigo! acesse já agoram valu Stifler pelo espaço de recados, qualquer coia tamô ai maluco!

      Excluir
    2. Fala Anderson, não esqueça a senha pow !! deixa o outro blog de backup, prevejo muitas polemicas no seu blog

      Excluir
  6. Cara, contratos de PJ tem que acabar, é uma baita sacanagem, a empresa economiza 100% do seu salário em encargos te colocando como PJ e só te oferece '40% de "aumento"' tem mais é que se f0der!

    Você falou o ponto chave, se a empresa merece, tem que processar.

    Deixa eu te perguntar uma coisa...fui estagiário em um lugar que me fazia trabalhar 8 horas por dia e muitas vezes eu ficava ainda a mais...mas isso foi em 2012, já prescreveu né?

    ResponderExcluir
  7. Já passei por caso de superior gritando conosco, xingando de burros e etc... ( não foi diretamente à mim, mas estava presente e fazia parte da equipe ). Nessa mesma empresa, recebiamos por fora a $$$ da comissão, muitas vezes maior que o salário em holerite; acha que vale a pena uma ação?
    Detalhe, tem uns 4 ex funcionários que passou pelo mesmo, acha que caberia um Ação conjunta sei lá...

    ResponderExcluir