Página Inicial

quarta-feira, 6 de junho de 2018

Especial Dia dos Namorados: Dona de casa ou mulher carreirista: Quem é melhor para casar com um pobre rumo ao milhão?





Dia dos namorados, então vou falar de casamento já que tá relacionado. Quem quer ver algo a mais relacionado a esta dia pode ler estes dois posts, um sobre dividir contas e gastos do dia dos namorados. Esse post é para os pobretões que querem casar, então se você não quer casar, não venha trollar o post. Eu tenho extremas reservas com casamento mas não posso deixar de escrever isso para os pobretões do Brasil. Como já falei antes, casamento tem efeito DECISIVO no patrimônio dos homens que buscam ser ricos e milionários. Essa decisão é extremamente importante e você precisa saber os prós e contras, financeiramente falando, do impacto de casar com uma carreirista e uma dona de casa.

Primeiro quero deixar claro que vou separar as mulheres em status de 4 tipos: A dona de casa tradicional (que faz tudo em casa mesmo), a dona de casa dondoca (aquela que fica em casa mas não faz tudo em casa), a carreirista folgada (aquela que trabalha fora e dá prioridade ao trabalho e ainda sim exige que você pague mais) e a carreirista moderna (aquela que trabalha fora e dá prioridade ao trabalho mas divide 50% tudo).

Eu separei as colunas conforme abaixo avaliando o impacto financeiro, impacto sexual, impacto social e impactos subjetivos com comentários sobre a mulher em questão. Primeiro só a questão financeira:



Em termos financeiros, obviamente que o ideal é a carreirista moderna. Extremamente rara, essa mulher não só divide as contas da casa como divide o aporte. Você não encontra uma dessas. A pior situação financeira é a dona de dondoca. Não só ela suga o homem como ela não contribui na casa em termos financeiros ou na habilidade da dona de casa tradicional de cortar custos, pesquisar preços, fazer contas diárias, etc, por isso os gastos da casa são menores para ela. A carreirista folgada é uma situação ruim também pois ela deixa nas costas do homem tudo, só contribuindo com pouco e aporta menos. A diferença após 10 anos é bem pouca em relação à dona de casa tradicional e a carreirista folgada é volátil e perigosa pois seus aportes podem sumir facilmente por ela ser, bem, folgada.

Porém casamento considera mais coisas. Você vai ter provavelmente filhos, você quer ficar por muito tempo com uma mulher, você quer mais coisas além das finanças (se não você ficava sozinho).
Vamos agora aos pros e contras dessas categorias:





Bem não tem o que falar tá tudo aí. Você tem que medir o que quer. Se tiver uma dona de casa dondoca, você se fudeu e será pra sempre um fudido. As carreiristas são uma merda também porque você não terá apoio moral ou suporte doméstico nenhum da parte dela e sua chance de tomar um chifre é enorme já que carreiristas tem uma probabilidade próximo a 80% de traição devido a exposição a machos alfas e á feministas no trabalho que contam seus casinhos e segredinhos. Não tem almoço grátis. Dona de casa lhe dá uma enorme paz doméstica e tranquilidade de uma prole bem preparada mas você apanha financeiramente e a carreirista até segura as pontas com grana mas torna seu lar um saco, uma merda desorganizada e muitas vezes o gasto com comida e serviços pagos podem anular o efeito (empregada, serviços domésticos, etc).

Antes de fechar, porém, há de ser fazer uma consideração importante. Se você vai ter uma dona de casa (seja tradicional ou seja dondoca) é necessário entender que você está colocando a sua esposa numa condição muito privilegiada que é a de não trabalhar no imundo e estressante mundo corporativo e que se você se divorciar ela terá direito a TUDO o que você tem e que enquanto você é humilhado no trabalho, ela está em casa (que não é stress free mas também não se compara ao inferno do mundo do trabalho).

Dito isso, faça esse teste a seguir pra ver SE ELA MERECE SER SUA DONA DO LAR POIS SE NÃO VOCÊ ESTÁ PREMIANDO UMA PUTONA RODADA VADIA E VOCÊ É UM BABACA BURRO E RIDÍCULO. E se você mulher de merda quer ser dona do lar e não se encaixa nestes atributos, FODA-SE, vá trabalhar das 7h às 20h como todo mundo, você não merece o título de rainha da casa.



Se sua dona de casa não se enquadra nestes requisitos básicos então você se fudeu. Aposto que um monte de homem casado vai ficar putinho, pois fique, vocês são os mais paga paus e opressores de pobre jovem que existe. E se você mulher não se enquadra em pelo menos 90% disso, vá TRABALHAR DE SOL A SOL. E não merece ter filhos também, você não está apta.

E você, o que pretende escolher?


Texto original em: http://www.vidaruimdepobre.com/2013/06/dona-de-casa-ou-mulher-carreirista-quem.html#uds-search-results




53 comentários :

  1. Nota 10 a reflexão. Meu voto vai para a dona de casa tradicional, embora faça concessões para a carreirista moderna, desde que tenha vontade de dedicar a vida a família ao invés de transferir a criação dos filhos pra outros.

    Acho que dar uma vida de dona de casa é uma forma íntegra de premiar alguém que possa contribuir para sua vida e para prole. Conheço alguns exemplos brilhantes de mulheres assim. Carreiristas acabam fracassando em uma área ou outra na família.

    Sinceramente não sei se qual das opções é a melhor, o que não dá pra fazer é bancar uma pessoa alucinada que não vai acrescentar nada na sua vida ou de seus filhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se for para casar concordo totalmente com sua opinião!

      Excluir
  2. Ótima reflexão sobre o assunto Stifler.

    Esses dias refleti sobre isso no fórum da Real. Debatemos a importância da Depência da mulher sobre o homem e oque isso esta relacionado no relacionamento.

    E sim , parece que quando a mulher depende do homem em algum aspecto , as chances do casamento dar certo são grandes.

    Enquando uma carreirista moderna que não depende do cara para nada. Na primeira briga ja troca ele por alguém melhor.

    Meu pai mesmo ja tinha me dado esses seguintes conselhos:

    " Mulher tem que ter um nível abaixo de você"
    " Não há felicidade maior que você chegar em casa e estar tudo limpo , comida feita no seu gosto e de noite sexo"

    Enfim , acredito que valha a pena pagar o preço por uma dona de casa.

    Embora acredito que o gabarito mesmo seja uma mulher que trabalhe junto com voce na sua empresa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "E sim , parece que quando a mulher depende do homem em algum aspecto , as chances do casamento dar certo são grandes."

      Concordo com voce. Repare que a maioria das juízas e promotoras são solteiras. Não sendo machista, mas é assim que funciona. É normal voce ver médica com enfermeiro? E o contrário? Pois é....

      Excluir
    2. Filho do Chefe de Gari, já comentei com amigos isso da mulher que depende do homem andar mais. A linha, nos blogs e fóruns também já dei o mesmo exemplo de que mulheres bem sucedidas geralmente são solteiras, como no exemplo dado pelo gari as juízas !!! Mulher tem que depender do homem, acho que elas não evoluíram e acham que temos que ser os provedores

      Excluir
  3. Lembro deste post do pobreta. Atualmente prefiro que uma mulher trabalhe meio periodo. Se for contigo melhor ainda Melhor do que ficar atoa em casa entrando no badoo, pof, tinder. Mulher tradicional praticamente não existe mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tradicional tá difícil rs o feminismo não quer mais que as mulheres não façam nada em casa

      Excluir
  4. gostei da análise.

    a única mulher que tive é dona de casa tradicional e não a abandono porque cozinha bem demais.

    Lembro que esse assunto de relacionamento e dinheiro é muito valorizado pela blogosfera da real. Fiz um post sobre o assunto em 2016:

    https://acervost.blogspot.com/2016/12/social-casamentouniao-estavel-vale-pena.html

    outro post legal é o do Viver de aluguel:

    http://viverdealuguel.blogspot.com/2015/11/mulher-excecao-elas-existem.html


    abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Homem de sorte ! Rs vou ver seus posts nessa época eu nem blog tinha rs

      Excluir
  5. ótima reflexão meu camarada, acredito que isso ai é verdade.
    Mulher carreirista faz coisas que até deus duvida para ser promovida.
    Dona de Casa Dondoca não da.
    Acho que o melhor a fazer é conseguir uma mulher caseira tranquila e tentar criar um negócio para ela administrar enquanto você trabalha.

    ResponderExcluir
  6. Caramba, mano, já ia te parabenizar pela criatividade mas esse post era do Pobretão! Mesmo assim valeu a iniciativa, não conhecia esse, muito bom! Valeu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu boqueia, esse post é de 2013, e ainda esta atual....

      Excluir
  7. Ah meu camarada Stifler, casou dançou, não tem chororô.

    Está cheio de blogueiro inventando mil historinhas por aí, mas é casadinho, pode inventar o que for, a realidade é outra. Se contar que casado que fica o dia todo no escritório atualizando blog e moderando comentário tem o "sócio" lá em casa.

    Apenas uma correção, colega, acho que veio do site original, claro. Aporte, substantivo, é a quantia de dinheiro. Aportar é manobrar um navio no porto, a nao ser que a esposa seja prática, hehe, a galera troca muito estas palavras.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A verdade seja dita, os casados da blogosfera sempre dizem EU, EU, EU... mas e as esposas não ajudam em nada? Bom espero que saibam que numa separação 50% são delas, e não me venha dizer que é casado com separação de bens, duvido!!!!

      Excluir
    2. 50%? Está sendo bonzinho. O percentual é maior que 50% isto se não tiver filhos aonde entra pensão junto.

      Separação assim ninguém casa, a maioria só é dona do que existia antes do casório. E depois do casório só a mulher dizer que ajudou no lar para você poder econimizar que automaticamente ela contribuiu e vai levar a parte dela.

      E na hora de vender não tem esta de "meu carro vale x", "meu apartamento vale y", etc. Vai vender pelo valor REAL das coisas, e o valor real de qualquer coisa é quanto alguém está disposto a pagar, não quanto vc gastou ou acha que vale. Nesta hora você verá o valor real e descubrirá que mais da metade é dela.

      E se tentar enrolar, passar coisa para nome de parentes e laranjas vai se complicar ainda mais com o juíz porque sua mulher saberá dos seus trambiques. Que o diga a ex mulher do Pitta.

      Excluir
  8. Maldita hora que conheci a real kkkk
    A felicidade falsa exala nessa época...
    Viu a windersom uma menina angelical agora fica de rabo de fora e o cucknunes defendendo esse tipo de atitude ... feminismo ta acabando com o sociedade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Soldado, feminismo é uma doença dos novos tempos, temos que lutar contra

      Excluir
  9. Olá SP,

    Li esse post no blog do Pobretão. Bom você trazer ele para a gente relembrar.
    Mulher carreirista é foda mesmo. Alias, acho que é bem difícil encontrar uma mulher para casar hoje em dia.

    Eu fui casado com uma que trabalhava meio período só era das que não fazia quase nada. E era chata para caralho. Quando li esse post lembro de muitas coisas que ouvia dela. Essa parte de contar do trabalho e falar dos chefes é tudo verdade. Ainda bem que eu me livrei dela.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo!!! tanto você quanto eu já fomos casados, então fica dificil querer casar de novo !!

      Excluir
  10. Fala Stifler!

    É, tem de pensar muito bem mesmo. Depois do primeiro casamento eu decidi que dona de casa não quero mais não. Tem de trabalhar e ajudar. Se não com 50/50, ao menos com um percentual considerável. Ficar sustentando os outros não dá não hehe.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade André... sustentar mulher não dá não !! talvez dividir proporcionalmente seja a melhor solução, e é claro, se possível casar com separação de bens

      Excluir
  11. O ideal seria a dona de casa, que vai malhar de tarde nós horaruos vazios da academia pra ficar gostosa e qnd chegar do trabalho meter a vara nela, mas esse tipo esta quase impossível de achar, pois todas agora querem ser dondocas.
    A única opção boa que resta é aquela que trabalha mas não é carreirista, pelo menos ela não vai te chifrar com o chefe tetinha e nem torrar sua grana com roupas e jóias. Fora que também sobra um tempo pra ela se cuidar, não chega super cansada do trabalho e se afoga em fast food pq tem preguiça de cozinhar dps de um dia de trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rapaz li esses tempos um cara dizendo que a mulher ia para academia e depois saia com o professor, melhor não né kkk

      Excluir
  12. Excelente post Stifler.

    Cara eu atualmente estou inclinado a não casar de jeito nenhum. Se eu casar vai ser com separação total de bens e ainda com o objetivo de ter filhos porque se não for para isso não vejo nem o porque de casar.

    Então, se eu chegar a casar mesmo vou forçar o acordo de separação total ou nada feito. Quanto aos tipos de mulheres eu creio que o melhor a melhor opção é a dona de casa tradicional. Talvez até casaria com uma mulher que trabalha e passasse confiança (desde que em um profissão de menor status e rendimentos do que a minha para evitar que ela fique me diminuindo e falando merda), mas ainda sim exigiria a separação total de bens.

    O problema da mulher que trabalha é que aquilo que já é bastante discutido nas blogosferas tanto brasileira quanto gringas sobre a hipergamia feminina. Quando a mulher entrar em contato com aqueles alfinhas do mundo corporativo vai rolar traição com certeza. Ainda mais com os chefes que por sua posição de poder são naturalmente excitantes. Dai se você fosse casado com separação total de bens com uma carreirista pelo menos ai não teria o prejuízo financeiro quando ela te traísse e quisesse o divórcio, mas mesmo assim melhor evitar a dor de cabeça.

    Já ouvi caras dizendo que mulher que trabalha é bom porque divide metade das despesas com você. Mas cara, ai eles estão esquecendo que quando ela entra na equação as despesas AUMENTAM e não diminuem. Então por mais que a mulher ajude, elas sempre gastam mais em bens de consumo do que os homens (basta ver os preços das roupas, produtos de beleza, tratamentos estéticos e etc).

    Já acostumei e gosto de viver sozinho. Então só me casaria pela vontade que eu tenho de ser pai.

    Engraçado que uma vez conversando com um amigo sobre esse assunto ele disse que a solução é simples: Ele disse - "Ah é muito fácil, é só nunca se separar da sua mulher!" Ai eu ri e mandei a real: - "O difícil não é você não se separar, é ela não se separar de você!". Ele não soube o que responder.

    Para quem não sabe, no mundo todo a grande maioria dos divórcios são iniciados pelas mulheres. Então é por isso que os acordos pré-nupciais são sempre importantes.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, a minha opinião pessoal é para não casar mesmo, mas se for casar, que seja com separação de bens !! o problema é elas aceitarem !!

      Excluir
  13. O mais certo é ensinar a dona de casa ganhar dinheiro em casa! Tipo Bitcoin, vendas online e afins. Se casar com carreirista esta FODIDO, tenho um primo playboy que casou com uma e já esta com 43 é há 10 anos casado, não tem filhos mas 5 gatos no super apartamento. O empoderamento feminino simplesmente destruiu as bases da sociedade, isto é apenas o inicio, imagine daqui há 10 anos. Se vocês quiserem achar mulheres submissas ao marido procurem as ciganas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso sou a favor de casar com separação de bens, se a mulher começar a ser preguiçosa, basta dar tchau !!

      Excluir
  14. Gostaria de ver o comentario de uma mulher sobre este Post!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que elas não sejam fãs da blogosfera, querem é gastar.

      Excluir
  15. Você pode até casar com separação total, mas se sua mulher não trabalha você vai ter que pagar pensão pra ela ao se separarem. Não é um bom negócio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas ainda é menos pior pagar pensão para ex parasita do que deixar ela ter metade do patrimônio. Se bem que o melhor mesmo é nem casar.

      Excluir
    2. A pensão é apenas temporária, geralmente no máximo 2 anos, a não ser que a ex-mulher seja doente, os juízes dão um tempo para a mulher conseguir emprego, renda o que seja !!

      Excluir
    3. 2 anos já é um atraso muito grande de vida.

      Excluir
  16. Parabéns pela postagem! bem interessante. A dona de casa que realmente tradicional parece ser uma espécie em extinção, a maioria são carreiristas, estudantes para concursos ou dondocas. Nesse caso, grande probabilidade de levar chifre. complicado viu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é... dificil mesmo !! tá dificil achar mulher decente.

      Excluir
  17. Stifler tudo beleza? Da uma olhada la no meu blog no comentário que voce fez o primeiro inclusive o blogueiro pobre diabo comentou e apagou possivelmente esqueceu de deslogar. Depois me acusam de flodar meu blog. Olha la por favor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Mordor, nem estive acompanhando os blogs ultimamente, vou dar uma olhada !!

      Excluir
  18. hilário esse post...hoje, minha receita líquida varia de 14k a 20k ao mês, trabalho 6 horas/dia, 5 dias da semana....e JAMAIS me casaria com homem, exatamente porque sei que vai sobrar p mim, assim como já aconteceu nos últimos relacionamentos, isto é, tem muito homem que se enquadra perfeitamente nessa sua linha de raciocínio, não é só a mulher não meu chapa! Casamento nunca foi bom, e nunca será, nenhum ser vivo nasce para fazer contrato eterno com cláusulas exorbitantes, é preciso cultivar a independência emocional tbm, só money não adianta.
    bjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu lugar e lá no escreva Lola vai lá.

      Excluir
    2. tá com inveja né, pobre é assim mesmo...kkkkk...

      Excluir
    3. Eu não disse que são todas as mulheres, sei também que há homens que fazem isso. Mas a não há equilibrio na balança, a maioria das mulheres estão descritas no post, não há o que contra-argumentar é apenas um fato !!

      Excluir
  19. O Wix finalmente atualizou a plataforma e RSS feed agora está funcionando, se importa de me adicionar ao seu blogroll? O link é https://www.srif365.com//blog-feed.xml
    Já coloquei vc no meu.
Obrigado.

    Sr. IF365

    Blog do Sr.IF365 | Acompanhe meus últimos 365 dias antes da IF e Aposentadoria Antecipada
    www.srif365.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amigo já te add aqui !!! interessante seu blog

      Excluir
  20. putz, acho que se o cara não tem grana nem deve pensar em casar, tem que viver sozinho mesmo, porque homem que é homem consegue sustentar uma família numa boa sem precisar ficar de olho na grana da mulher, eu por exemplo, conquistei mto patrimônio depois eu casei, nem ligo se minha mulher ganha muito ou pouco, se ela gasta tudo ou não, só sei que a gnt nunca vai passar necessidade pq eu conquistei mta coisa e ela ajuda a administrar tbm...então se vc n tem grana, vá trabalhar e depois pense em casamento, se não, vai acabar em divórcio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Discordo de você, homem é homem precisa ter caráter e moral e isso não está relacionado a sustentar mulher, pode até ser que em comum acordo isso ocorra, mas não estamos mas no século 18, 19 onde os homens eram provedores, se casar, o ideal é somar a renda dos 2 em prol do casamento.

      Excluir
    2. Pois é, aqui em casa, como minha esposa faz jornada tripla, trabalha, cuida de 2 crianças e cuida da casa, e eu só trabalho, porque sou um incompetente em matéria do lar, eu não fico cobrando-a. Esse negócio de meio a meio é coisa da década de 80/90. Meio a meio só se a mulher só trabalhar e não fizer mais nada, se for uma dondoca de fato, isto é, tem empregada 5 dias da semana, babá 24 horas, cozinheira, passadeira, etc.

      Excluir
  21. Aqui em casa eu e minha esposa dividimos todas as contas e o que sobra do salário de cada um é aportado, mas não é conta conjunta, cada um aporta individualmente. Se vamos comprar alguma coisa nova, exemplo um eletrodoméstico ou eletrônico de valor muito alto, o valor é divido e retirado da poupança de cada um.

    ResponderExcluir
  22. Muito bom Stifler ter relembrado desse texto genial.

    Mas o bom mesmo é ser solteiro e no máximo ser um pai solteiro por alguma via e conseguir morar com seus filhos.

    Esse lance de encontrar mulher recatada e sem traições é quase um mito hoje em dia.

    E o melhor a se fazer é aportar e morar sozinho sem dores de cabeça. Acredito que ser pai solteiro também ajuda a diminuir a dor da solidão já que teoricamente já tem uma família e tem algo pra se preocupar.

    Abraço

    ResponderExcluir