Página Inicial

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Somos 21 milhões, mas parece que somos 1 ou estamos sozinhos

Fala Pessoal,

Estive vendo TV, mais especificamente o SPTV, quando vi uma reportagem qualquer em que dizia que a Região Metropolitana de SP tem cerca de 21 milhões de pessoas, a Cidade de São Paulo em si tem 12 milhões de pessoas. é muita gente.

Considerando as maiores cidades Brasileiras São Paulo tem o dobro da população da segunda colocada, que é o Rio de Janeiro.

                                                      Maiores Cidades Brasileiras

Não moro na cidade de São Paulo, mas sim na Grande São Paulo, não sei se já disse aqui, senão disse vou dizer agora e que se f.... questão de privacidade, eu moro em uma cidade do Grande ABC.

                                                    Alguns Municípios da Grande SP e ABC

Já vi e ouvi muita gente falando sobre morar no interior, cidades médias, ou extremamente pequenas, mas me desculpe isso não é para mim.

Eu nunca gostei de viajar para lugares com beleza natural, lugares paradisíacos e por aí vai, se for para passar 1 ou 2 dias até vá lá, mas eu sempre gostei de cidades grandes, lugares populosos. Interior para mim sempre no máximo 1 final de semana com direito a churrasco e piscina, mas já faz algum tempo que não vou. Litoral, vou as vezes para o Litoral sul de SP (Santos, Guarujá, São Vicente), pois são cidades grandes. Viagens Internacionais (não que eu viajei ou sou de viajar muito) a mesma coisa, Cidades grandes europeias e americanas.

O bom de regiões metropolitanas é que temos tudo na mão, facilidade de conseguir coisas, aqui a tecnologia funciona (Do jeito Brasileiro, mas funciona), por exemplo a cidade em que minha mãe foi morar no Paraná, que é próxima a Londrina, não tem internet, lá ela assina um plano de 1 mega via rádio e paga super caro, quase o mesmo que eu pago no meu plano de banda larga aqui em SP. Compras pela internet, o frete costuma ser mais em conta aqui também. Tudo bem que aluguel, comida e saúde lá funciona melhor do que aqui. Mas ainda sim eu prefiro ter tudo na mão e pagar um pouco mais caro, do que morar em um lugar e ser infeliz. Não é raro por exemplo, eu sair para algum Restaurante, Fast-Food, Barzinho, Mercados, em plena madrugada, aqui não para, 24 horas no Ar.

Já na questão do trabalho, posso afirmar categoricamente que dentre as maiores empresas Brasileiras, uma grande porcentagem delas possuem a Matriz em cidades da Grande SP ou da própria Capital, quer queira ou não as melhores estradas estão aqui, a malha de metro e trem é pequena em relação a cidades de países de 1º mundo? Sim é... mas ainda é maior que qualquer outra cidade ou região metropolitana do Brasil, Eu inclusive moro perto de um estação de trem, em menos de 1 hora estou na Av. Paulista por exemplo. Esse motivo faz com que mesmo em pleno século 21 São Paulo receba um grande fluxo migratório, muita gente vem para cá tentar a vida.

Violência, ah... muitos vão dizer que é perigoso, mas eu nunca fui assaltado, o máximo que aconteceu comigo foi quebrarem o vidro do carro para levar o som, e terem roubado um veículo da empresa, que eu estava utilizando (eu tinha deixado estacionado na rua, quando voltei, sumiu), por isso vou me isentar de maiores opiniões sobre violência, a única coisa que eu digo é: Para quem anda esperto, dificilmente vai acontecer algo.

O bom de morar em cidades ao redor da Cidade de São Paulo, é o custo de vida, imóveis, mercado, transito, é um pouco melhor que na Cidade de São Paulo, o Bairro onde eu moro por exemplo eu faço tudo a pé, todos os bancos, correios, hospital, lotéricas, cartórios, estação de trem, supermercados (de Grandes Redes), Faculdades, enfim, o grande atrativo são os imóveis, que costumam ser muito mais baratos do que na cidade de São Paulo, além disso a burocracia da máquina pública em cidades ao redor de São Paulo é bem menor, por exemplo: Detran, Cartórios e Bancos são mais vazios que em São Paulo.

Muita  gente, mais bota muita ai nessa conta trabalha na cidade de São Paulo, comigo não podia deixar de ser diferente, trabalho em São Paulo, infelizmente eu tenho que ir de carro, acabo em alguns dias pegando transito (trabalho em horários alternativos).

Mas vejam só, eu Stifler, filho único, moro sozinho, se bobear posso ficar 2, 3 dias fácil sem abrir a boca, sem falar com ninguém, isso mesmo, não sei se é só em SP, mas aqui cada um toma conta do seu, raramente sem metem na vida dos outros, tirando alguns vizinhos meus (da antiga geração), pois por morar em um bairro de uma cidade periférica, ainda há um arzinho de interior, consigo por exemplo aspirar meu carro na rua rsrs. Na cidade de São Paulo isso é bem explicito (o fato de cada um cuidar do seu), ainda mais que muitos moram em apartamento, então já viu, a individualidade come solta.

Não é raro as vezes que eu to andando de carro ou a pé seja aqui na minha cidade ou em São Paulo que me pego olhando as pessoas andando com pressa, prá lá e para cá, imagino qual é o sonho ou propósito de vida dessas pessoas, será que correm atrás de IF ou apenas da felicidade e coisas melhores?.

Uma coisa que percebi é que aqui na blogosfera dizemos muitas coisas que não costumamos dizer para amigos, familiares e etc. é mais ou menos isso, na vida real mesmo sem querer as vezes vivemos como uma metrópole, seria a Blogosfera uma metrópole ou interior da Internet???? Hehehe.

Nós da blogosfera, corremos atrás da IF, mas e os outros 21 milhões aqui da Grande SP e os outros 200 milhões de Brasileiros? Ninguém tem nada a ver com isso, muito menos EU, mas já pararam para pensar que lutamos, deixamos muitas coisas de lado, apenas para poder sobreviver bem ou melhor no futuro? Mesmo assim muitos de nós talvez não conseguirá atingir a IF, mas nem por isso vamos deixar de viver ou ser feliz, ou se não conseguir a IF vamos todos nos suicidar?

Realmente, eu sou uma pessoa "na minha", assim como a maioria sou apenas 1 em meio aos 21 milhões da Grande SP,  estou atrás da IF, mas corro atrás da IF porque também não tenho outra coisa para correr atrás, na verdade eu queria que minha IF fosse a muito tempo atrás ou que fosse agora, mas infelizmente não é !!!

Enfim, não há uma receita, o que é bom para mim, pode não ser bom para você, se procurar na internet, há opiniões divergentes sobre morar em São Paulo e opiniões de quem não vê a hora de sair daqui, fui criado sozinho, sem muito convívio social, melhorei muito depois dos 27, 28 anos de idade, mas a melhor parte da minha vida eu era introspectivo e tímido, isso ainda faz com que eu prefira muito mais viver como mais 1, mantendo a minha vida discreta !!!

E você, além da IF, o que te motiva no dia-a-dia?

Até + Pessoal



33 comentários :

  1. Fala Stifler...primeira vez que comento mas já te acompanho há algum tempo. Também sou do ABC e curto as suas postagens. Você parece ser um cara legal e adota um pseudônimo do Stifler que é um dos meus personagens favoritos hahaha abraço e rumo a IF.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala anon... somos nozes, obrigado pela visita!!

      Excluir
  2. Olá SP,

    Bela postagem.

    Eu estou em busca da IF, pois não quero ficar preso a um trabalho o dia todo e a semana toda.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. É meu camarada. Realmente viver em capital tem suas vantagens, mas eu odeio transito e transporte coletivo. Odeio andar a pé. Onde eu moro, dou 20 passos saindo de casa e estou no meu carro. Paro geralmente de frente a qualquer lugar que vou, e com mais 20 passos faço tudo o que preciso. Na minha cabeça não entra esse modo de viver andando a pé, usando transporte coletivo ou pegando trânsito engarrafado. Em relação à ter coisas para fazer (na verdade torrar dinheiro), aqui onde moro também tem (minha cidade tem 120 mil habitantes). Não é uma brastemp igual a São Paulo, mas o que mais importa são os amigos do que o local onde estou. O legal daqui é que é mais fácil fazer amigos e nem por isso as pessoas tomam conta da minha vida. Acho q isso tem muito haver sobre a maneira como fomos criados. Eu estou acostumado com meu ritmo, e vc no seu.
    Não existe um melhor que outro, apenas opiniões diferentes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala SB, por isso que eu disso no post, não há receita, cada um tem seu ritmo !!

      Excluir
  4. Eu tenho curiosidade de visitar São Paulo, porém o que me deixa abismado é o número de latrocínios que vem crescendo por ai.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zeus, pode vir, do jeito que falam, parece que basta andar na rua para ser assaltado e não é assim !!

      Excluir
    2. Zeus, queria que minha cidade fosse como Sampa.
      Lá o numero de mortos por 100mil habitantes é menos de 10, ou seja, está dentro dos parâmetros da ONU.
      Já aqui pra cima, chega a 20- 30 ou até mais.
      É que São Paulo "tudo é grande", como tem muito mais pessoas, parece que acontece mais mortes e assaltos, mas é uma visão distorcida.

      Excluir
    3. Isso ai FPI em números consolidados SP sempre está a frente, também com 12 milhões de pessoas, não tem como, mas se colocar as estastisticas verá que cidades do nordeste por exemplo são mais perigosas do que aqji !!

      Excluir
  5. Já fui em São Paulo algumas vezes à trabalho, e claro que quando se passa apenas um tempo não dá para ter uma noção clara do que é morar no local, mas, em geral, a minha visão de São Paulo é parecida com a sua, uma cidade extremamente agitada, mas muito fria, de pessoas muito individualistas e muito focadas no trabalho.

    Tem até uma música interessante do Criolo, que a letra diz:

    "Não existe amor em SP
    Os bares estão cheios de almas tão vazias
    A ganância vibra, a vaidade excita"

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha..essa música diz tudo... há pessoas legais, eu não conheço tantas, como disse no post, sou mais na minha !!

      Excluir
  6. São Paulo comparado com o lugar em que eu nasci...é como se fosse uma espécie de Estados Unidos, rs.
    Não podemos negar as influências e as oportunidades que uma metrópole como SP trazem.
    É muito mais díficil para uma pessoa sair da pobreza no Norte ou Nordeste, do que em uma cidade como SP ou até mesmo RJ.
    Se não pode sair do Brasil que ela procure tentar ter uma mínima qualidade de vida por aqui mesmo. É o que eu estou fazendo.
    Também me sinto sozinho. Mas é melhor ser um desconhecido em uma grande cidade do quê viver numa cidade como na que eu nasci, onde todo mundo conbece todo mundo. Estão sempre prestando atenção nos outros, e se a pessoa, mesmo que for quieta e não gostar de fofoca, eles inventam qualquer coisa para o cidadão ficar mal-falado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso parecido, cidade pequena todo mundo presta atenção nos outros, mas apesar da "frieza" de SP, sem dúvida aqui é a terra das oportunidades !1

      Excluir
  7. Nem sei o que fazem meus vizinhos nas suas vidas, mas isto é pq hoje moro na capital. Qd morava no interior, todo mundo sabia da vida de todo mundo, e ainda sabe. rs

    ResponderExcluir
  8. Cidade nojenta podre, ar poluído causando até transmissão de AIDS pelo vento, gente exibida nojenta, terra de chimpas exibidos endividados e fudidos.

    Cidade cheia de chimpas burros tansos que correm para lá e para cá em suas vidas ignóbeis buscando a fuga através de extremos sensoriais e se afundando no estilo de vida carpe-diemiano.

    Quando um coloca o carro fedido na rua para levar seus catarrentos para a escola, todos o fazem, entupindo o trânsito e torrando o saco de todos. Todo dia um carro quebra na marginal ou em alguma avenida principal e demora séculos para chegar um imundo que apurará o problema.

    Só amacacados extremos e anestesiados acham bom viver nessa latrina porca fedida dessa cidade estrambólica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanto ódio anon, seu palavriado é muito forte, você pode até não gostar de SP, mas melhore esse seu vocabulário ai.. pense positivo

      Excluir
  9. Fala Stifler!

    Eu também prefiro cidades maiores, por todos os aspectos positivos que vc citou no texto. Quando trabalhava na empresa, já cheguei a morar em uma cidade de 10mil habitantes no interior do RJ, cuja única vantagem era que ficava perto de Nova Friburgo e Niterói. Já morei no interior do Maranhão por 3 anos, e olha, complicado, viu?...

    Agora um ponto: no passado, quando apenas as capitais eram desenvolvidas, acostumamos a falar de atribuir o nome "interior" a essas cidades pequenas, mas isso mudou muito hoje. Por exemplo, moro no "interior" em Campinas, que nas necessidades básicas nada fica a dever de SP. Se vc conhecer cidades como Londrina, Ribeirão Preto ou Uberlândia, saberá do que estou falando rsrs

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala André !! cara, Campinas é muito grande, Ribeirão eu conheço, Londrina também...rsrs sem dúvidas essas cidades não deixam muito a desejar não, há muitas regiões metropolitanas que não tem a ver com capitais !! é que no post não cabe falar das exceções !! rs

      Excluir
    2. Não importa o tamanho da cidade, interior é interior, e no caso de Campinas, interioR ainda mais se seguir pelos lados de Americana, Piracicaba. Vários campineiros de nascimento, os mais novos, adoram falar que aqui não é interior, deve ser litoral então.

      Campinas é grande Stifler, mais de 1 milhão e cem mil habitantes. Mas não se compara com a capital, palavra de quem conhece este lugar desde o nascimento, hahaha. Você pode ter o básico como educação inclusive universitária, saúde com diversos hospitais e uma gama grande de empresas pequenas e algumas multinacionais na RMC (região metropolina nossa). Mas precisou de algo um pouco melhor, pronto, pega a pista e vai para Sampa.

      Campinas reune de cidade grande a violência, está cheio de bairros que a noite é impossível andar, praticamente tem toque de recolher, alguns tem mesmo nem a PM entra. Outors locais construiram prédios em uma área contaminada, o segundo maior acidente nacional de radiação, o primeiro foi aquele de Césio de GO.

      Mesmo bairros totalmente residenciais e tradicionais estão sendo tomados por violência. A urbanização não foi feliz aqui. A cidade cresceu de forma desordenada. Ande no centro daqui e pensará estar em alguma quadra ao lado da praça da República, obviamente sem o Itália e o Copan. Esta parte aquitetural realmente é bonita e parece que quem projetou bebeu da mesma fonte que os arquitetos paulistanos da época.

      Devido as rodovias as cidades vizinhas são quase que bairros em questão de tempo de deslocamento. Galera de fora adora falar que as rodovias são boas porque são privatizadas. Legal... Mas desde criança na década de 80 andava no banco de trás do carro nestas mesmas rodovias, construídas com impostos de todos os moradores do Estado. Hoje algumas ganharam faixa extra, também com dinheiro público porém você fica ilhado por pedágio. Campinas sem pedágio só vai mesmo nas cidades do lado, andou um pouco mais já elvis.

      Pode passar um dia aqui, temos o velho e bom Itatinga com garotas de todos os tipos. Também várias casas espalhadas na cidade voltada para isto. Ou se preferir os flats do Cambui, Botafogo e Castelo (claro que nem se comparam com Jardins, Moema, etc) mas é nossa versão caipira dos seus.

      Ah, e para mostrar que somos do interior mesmo, não sabemos nem eleger prefeitos. Um dos ultimos roubou por uma década na cidade vizinha e venceu a eleição aqui. Bolsonaro é campineiro para ter idéia. E o Xororó, da dupla com o Chitão até pouco tempo atrás ganahva PS3 e outros premios na nota fiscal campineira porque gastava muito.

      Quem nasceu aqui sabe por onde andar e não andar, aonde morar, etc e tal. É aquele negócio, é uma merda, mas nossa merda ;)

      Legal seu post. Abraços.

      Excluir
    3. Olá Anon, Sim Campinas é grande e não deixa de ser Interior, suas criticas a Campinas também se refletem a outras cidades, afinal estamos no Brasil e aqui está uma Merda grande rs

      Excluir
  10. manter-me saudável o maior tempo possível me motiva e para isso é necessário buscar desafios e outras experiências.

    abç!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí Scant, estar saudável e com saúde é primordial !!

      Excluir
  11. Eu não sei se gosto de cidade grande ou pequena. Às vezes gosto de morar em metrópole, às vezes sinto saudades do interior (inclusive viajo muito pra cidades pequenas, prefiro mil vezes ir numa festa tradicional de cidade pequena que ir em um grande evento de metrópole - tipo carnaval carioca ou baiano, octoberfest etc.).

    Atualmente, o que me motiva é viver cada dia de cada vez, buscando uma liberdade financeira que ainda deve demorar, tentando não enlouquecer nem carregar muitos traumas psicológicos no caminho kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo Jeito você gosta só de ir passear em cidade pequena rsrs, eu gosto, mas não conseguiria morar, quem sabe no futuro eu não mude de opinião !!

      Excluir
  12. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, você tinha sumido e voltou, continua me acusando e difamando, faz parte, eu apago os comentários para eu não ter problemas com o blog. Mesmo suspeitando de quem você é, só quero dizer uma coisa, estou quieto aqui e não ofendo ninguém, as vezes até faço umas brincadeiras, mas não é ofensa !! se quiser conversar sobre com total privacidade preencha o formulário de contato que eu recebo no meu e-mail a sua mensagem !! Bom é isso !!

      Excluir
  13. Em SP os vizinhos não cuidam da vida alheia só se for em bairros nobres/descentes. Pois na periferia o que mais tem é fofoqueiro. Morar em periferia é uma desgraça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fofoqueiro tem em todo lugar, SP tem menos !!

      Excluir
  14. Fala Stifler, vou começar do final hahaha...
    Além da IF, o que me motiva é me desenvolver um pouquinho mais a cada dia. A cada dia acordar e me tornar alguém melhor do que eu era ontem... Sinceramente busco isso. Leio, converso e me reúno com outras pessoas com essa finalidade.

    Bom, quanto a muitos de nós não alcançarmos a IF, sei não. Se parar pra ver, a galera da blogosfera tende a ser bem diferenciada. Além disso a cultura aqui criada te ajuda a se manter na linha, evitando excessos. Essa cultura (e poder falar qualquer coisa sem mágoas, metendo o bedelho na vida e nos gastos alheios, mas sempre querendo ajudar, claro) nos impele pra fora dos ciclos viciosos do mundo (leia-se gastança).

    Moro numa capital e gosto de ser só mais um no meio do povo. Realmente só me importo em ser reconhecido pelos meu familiares mais próximos e pelos amigos. Se os colegas me virem como uma boa pessoa também, ótimo.

    Enfim, também gosto muito de morar na capital, mas já visitei algumas cidades grandes no interior de outros estados. Também da pra viver bem, mas em termos práticos, não há "vantagens" (nos preços de imóveis, por exemplo), que sejam substanciais.

    Prefiro boa estrutura à grande calmaria,


    Abc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pow sua última frase matou "Prefiro boa estrutura à grande calmaria" eu também concordo com isso !! rs

      Excluir
  15. Olá SP

    Eu também não curto cidade pequena, apesar que nesses últimos meses tive que morar em algumas.

    Mas os benefícios das grandes cidades é o que há de melhor.

    ResponderExcluir